| Login | Crie o seu Jornal Online FREE!

Leo Cunha - Literatura infanto-juvenil
Desde: 22/12/2003      Publicadas: 56      Atualização: 22/01/2018

Capa |  Fortuna Crítica  |  Livro a Livro  |  NOVO SITE DE LEO CUNHA


 Livro a Livro

  06/01/2004
  0 comentário(s)


Clave de Lua (livro + Cd)

Texto: Leo Cunha
Ilustração: Eliardo França
Músicas: André Abujamra, Luiz Macedo e Renato Lemos

Edições Paulinas
1a. edição: 2001
Edição atual: 3a.
40 páginas

Clave de Lua (livro + Cd)Sobre o livro:


"Clave de Lua" é um livro de 21 poemas musicantes, ou seja, que falam sobre o mundo da música: os ritmos, os instrumentos, os músicos e outros elementos.


As ilustrações são reproduções de grandes telas a óleo criadas por Eliardo França, em torno do tema "músicos".



Para completar, 15 dos poemas foram musicados e estão no Cd que acompanha o livro. Os arranjos são bastante variados, incluindo flautas, oboés, tubas, clarinetas, violinos, violoncelos e muitos outros instrumentos. Os ritmos também variam do blues ao xote, do caipira ao clássico.


Trecho:


XOTE NA ORQUESTRA


Queria subir no trapézio,

dar salto mortal e pinote.

Queria escalar zombeteiro

um cavalo, em pleno trote.

Queria entrar no picadeiro

iluminado de holofotes.

Queria atacar os moinhos

como já fez Dom Quixote.




Se eu trabalhasse no circo

seria um palhaço de sorte.

Mas aqui, nessa orquestra

sou feliz,

sou um fagote.





INSTRUMENTO DE CORDA


Nossa, eu cresci tão depressa,

que não sobrou tempo

nem corda

pra minha caixinha de música.



Opinião:


"O excelente Clave de lua , que eu não canso de ler, de ver e de ouvir desde o dia do lançamento. Os poemas de Leo Cunha falam de música e de instrumentos, do galo cantor: "toda noite em minha rua/ faça chuva ou faça estrela / o galo vizinho esgoela / seu gogó em clave de lua" . De irmãos músicos que brigam e que dão concertos, de Rapunzel e suas tranças, de um Cupido saxofonista que manda mensagens por fax, de baladas, contrabaixos, fagotes, berimbaus, trombones, do exótico oboé e do canto do rouxinol. Tem muito mais instrumento, há muito mais música nos poemas de Leo Cunha, o que levou Renato Lemos a dizer, inclusive, que sua tarefa foi "transformar em música o som que brotava dos poemas." Hércules Toledo Corrêa , na revista Presença Pedagógica.


"Leo Cunha passa bem longe das fórmulas tradicionais de escrever para crianças. Em vez de infantilizar o texto, ele prefere seduzir o pequeno leitor com inteligência e uma simplicidade que não exclui a sofisticação." Rosa Amanda Strausz, no Jornal do Brasil.


"Leo Cunha, conhecido por seus livros de poesia para criança, traz uma seleção de versos para ler, ouvir e curtir. São poemas melódicos, compostos em estilos variados, prontos para serem tocados e cantados, introduzindo o leitor/ouvinte no vasto universo da música." Ninfa Parreiras no Catálogo da FNLIJ para a Feira de Bolonha, 2002.


"Esse maravilhoso livro apresenta várias poesias de Leo Cunha inspiradas em diversos gêneros musicais e no uso de imagens qe brincam com o processo de criação dos músicos... Nesta obra há um equilíbrio perfeito entre texto, imagem e música.Leitura imperdível para crianças, jovens e adultos." Anna Flora, na Bibliografia Brasileira de Literatura Infantil e Juvenil, v. 12

"Fazer poesia é despertar o som no balanço das palavras e, para Leo Cunha, isso até parece brincadeira: e transforma instrumentos musicais em inusitados objetos animados, objetos em simpáticos instrumentos de ar, cordas, batidas e swing de imaginação. Dos 21 poemas "musicantantes" que compõem o livro, quinze foram acordados sonoramente rumo a uma aventura entre ruídos, vozes que falam e cantam, improvisos de jazz, arranjos de orquestra, dissonâncias saborosas...
O compromisso estético e a novidade equilibram-se nas canções, na escolha de ritmos variados e mesmo no incremento divertido de pequenos versos em audiobox de sound-text (e isso quer dizer que há aqueles momentos em que o som da voz é trabalhado como textura, surgindo em camadas entretecidas por edição e algumas filtragens). Ah, sim: porque uma andorinha só não faz cantoria, o "livrocedê" Clave de lua reúne talentos das três artes: pintura sobre música, poemas sobre música, e música sobre poesia
Peter O'Sagae, no site Dobras da Leiturahttp://www.dobrasdaleitura.com/vitrine/index.html


Prêmios


- O melhor livro de poesia do ano - FNLIJ


- Melhor ilustração do ano - FNLIJ


- Finalista do Prêmio Jabuti - categoria ilustração


- Prêmio Octogone (França), para o Projeto Editorial


  Web site: www.paulinas.org.br


  Mais notícias da seção Poesia no caderno Livro a Livro
05/01/2015 - Poesia - Língua de sobra
Texto: Leo Cunha Ilustração: SuppaEditora Cortez 1a. edição: 2014 ...
05/04/2014 - Poesia - ABCenário
Texto: Leo Cunha Ilustração: Alex LutkusEditora Autêntica 1a. edição: 2014...
18/08/2013 - Poesia - A menina e o céu
Texto: Leo Cunha Ilustração: Cris EichEditora FTD1a. edição: 201332 páginas...
03/06/2013 - Poesia - Haicais para filhos e pais
Texto: Leo Cunha Ilustração: Salmo DansaEditora Record (selo Galerinha)1a. edição: 201348 páginas...
20/05/2013 - Poesia - Piolho na Rapunzel
Texto: Leo Cunha Ilustração: JoãocaréEditora Projeto1a. edição: 201332 páginas...
19/04/2010 - Poesia - Poemas pra ler num pulo
Texto: Leo Cunha Ilustração: Flávio FargasEditora Dimensão 1a. edição: 2009...
13/12/2008 - Poesia - Viva-Voz
Texto: Leo Cunha Ilustração: Flávio FargasEditora Positivo 1a. edição: 2008 ...
03/07/2008 - Poesia - Profissonhos - um guia poético
Texto: Leo CunhaIlustração: Gilles EduarEditora Planeta1a. edição: 200736 páginas...
10/09/2004 - Poesia - Poemas avoados
Texto: Leo CunhaIlustração: Natalia ForcatEditora Saraiva1a. edição: 2004Edição Atual: 2a.24 páginas...
07/01/2004 - Poesia - XXII!! - 22 brincadeiras de linhas e letras
Texto: Leo CunhaIlustração: Graça Lima, Bruno Gomes e Reinaldo LeeEdições Paulinas1a. edição: 2004Edição atual: 2a.32 páginas...
06/01/2004 - Poesia - Poemas lambuzados
Texto: Leo CunhaIlustração: Flavio del CarloEditora Saraiva1a. edição: 1999Edição atual: 2a.32 páginas...
06/01/2010 - Poesia - Cantigamente
Texto: Leo Cunha Ilustração: Marilda Castanha e Nelson Cruz1ª edição - Ediouro 1998Ed. Nova Fronteira a partir de 2012Edição atual: 6a.32 páginas...
06/01/2004 - Poesia - Debaixo de um tapete voador
Texto: Leo CunhaIlustração: Anna GöbelEdiouro1a. edição: 1997 32 páginas...
06/01/2004 - Poesia - O Inventor de Brincadeiras
Texto: Leo CunhaIlustração: Marlette MenezesEditora Dimensão1a. edição: 1996Edição atual: 3a.28 páginas...
03/01/2004 - Poesia - Lições de Girafa
Texto: Leo Cunha e Marcus TafuriIlustração: Regina Rennó (org)Editora Miguilim1a. edição: 1993Edição atual: 6a. 24 páginas...



Capa |  Fortuna Crítica  |  Livro a Livro  |  NOVO SITE DE LEO CUNHA
Busca em

  
56 Notícias