| Login | Crie o seu Jornal Online FREE!

Leo Cunha - Literatura infanto-juvenil
Desde: 22/12/2003      Publicadas: 217      Atualização: 28/05/2015

Capa |  Biografia de Leo Cunha  |  Entrevistas  |  Fortuna Crítica  |  Galeria  |  Livro a Livro  |  Notícias  |  Oficinas  |  Opinião  |  Poemas Animados  |  Prêmios  |  Teoria  |  Todos os Livros  |  • Contatos


 Opinião

  24/12/2003
  0 comentário(s)


Buena Vista, ótima audição

"Buena Vista Social Club": veja o filme, ouça o disco, assista ao show, leia o livro (se é que foi publicado)

Buena Vista, ótima audiçãoSem dúvida o Buena Vista Social Club vale o pacote completo. Mas se eu tivesse que escolher um, pegaria o disco. É menos sedutor que o filme, mas, em compensação, é do tipo de disco que vai melhorando com o (nosso) tempo. A cada audição, descobrimos novidades e detalhes dessa turma de músicos da velha guarda cubana, e várias músicas não conseguem mais sair da nossa cabeça (ou vice-versa ao contrário de cabeça pra baixo).

O documentário de Wim Wenders acabou sendo muito falado nos últimos meses, muito mais do que o disco. Mas, no fundo, o filme deveria ser encarado como um produto secundário, adjacente. Afinal ele é o registro da reunião dos músicos para gravar o disco. Trata-se de música, antes de tudo, e não de imagens.

Entender essa prioridade da música poderia, inclusive, fazer bem para a imagem do filme, que vem sendo excessivamente esmiuçado, destrinchado, à cata de significados políticos e sociais. Na Folha de S. Paulo, por exemplo, Marcelo Coelho (de quem sou admirador e leitor cativo) enxergou no filme uma clara simbologia anti-Castro e pró-americana, sem perceber algumas sutilezas que permitem interpretações bem diferentes. Por exemplo, quando os músicos estão no alto de um prédio e tentam apontar a direção da Estátua da Liberdade, eles se confundem e o fazem sem grande convicção. Portanto, se a estátua simboliza literalmente a liberdade, como quer Marcelo Coelho, essa liberdade está indefinida, não se localiza facilmente, nem nos EUA nem em Cuba.

Poderia dar outros exemplos da " superinterpretação" do filme, mas isso não vem tanto ao caso, aqui. Como já disse lá em cima, o filme só se justifica porque tem por trás (e acima) a boa música do clube social Buena Vista, com seus veteranos cheios de vigor, graça e técnica, sua mistura de ritmos tradicionais cubanos, como a guajira, a ritmos e arranjos influenciados pelo jazz americano.

E aí está mais uma vantagem do disco em relação ao filme. No disco percebemos mais claramente a beleza das canções e arranjos, pois ouvimos as canções do início ao fim. No filme cada canção vem entremeada com entrevistas e outras imagens, o que põe em destaque não a música propriamente, mas as histórias e trajetórias dos músicos. Parece que Wenders quis sublinhar: "ei, isto aqui é um documentário, não é um musical, este filme não substitui o disco; saia dessa sala de cinema e vá comprar o disco".

(Artigo publicado originalmente em 1999)



  Mais notícias da seção Artigo no caderno Opinião
25/11/2011 - Artigo - A piscina de livros
Este meu artigo foi publicado na edição 33 da revista "Carta Fundamental" (nov/2011), na seção "Meu primeiro grande livro". Escolhi falar sobre "O Mágico de Oz"....
26/03/2004 - Artigo - Sylvia viaja e não sai de (nossa) casa
Crônica escrita em homenagem a Sylvia Orthof, na semana da morte, em julho de 1997....
17/02/2004 - Artigo - Uma escritora parecida com a gente
Artigo que escrevi sobre a obra da escritora Rosa Amanda Strausz, publicado na Revista Releitura, da Biblioteca Pública Infantil e Juvenil de Belo Horizonte (BPIJBH), em fevereiro de 2004....
15/01/2004 - Artigo - Em busca de uma literatura infantil de qualidade
Este texto é um trecho do artigo “Literatura Infantil e Juvenil”, que publiquei no livro “Formas e Expressões do Conhecimento”, editado pela Escola de Biblioteconomia da UFMG em 1998. Traz algumas considerações sobre os livros infantis no Brasil....
08/01/2004 - Artigo - Um dicionário descontraído
Texto publicado em 1997, sobre o "Dicionário de Humor Infantil", de Pedro Bloch (Ediouro)...
24/12/2003 - Artigo - O que rola entre os livros e os bytes
Artigo publicado em 2000, a partir da já velha questão: a internet vai acabar com os livros?...
24/12/2003 - Artigo - Nick Hornby, um torcedor de alta fidelidade
Artigo sobre o livro "Febre de Bola", de Nick Hornby, um dos meus preferidos autores-pop, que também escreveu "Alta Fidelidade" e "Um grande garoto", entre outros....
24/12/2003 - Artigo - Parabéns a todas as Alices
Artigo publicado no centenário de morte do escritor Lewis Carrol, autor de "Alice no País das Maravilhas, na revista Presença Pedagógica, da Editora Dimensão...
23/12/2003 - Artigo - O autor e a escola
Artigo publicado originalmente no site Asa da Palavra, da minha amiga baiana Lena Lois....
23/12/2003 - Artigo - Publicar: verbo cronicamente inviável
Artigo publicado em 2000, sob o impacto do filme "Cronicamente inviável" e do fim da revista "Palavra"...
23/12/2003 - Artigo - Meu bate-papo com Cybelle.cjb.net
Este artigo, publicado em 2000, comenta um bate-papo que travei com uma mulher virtual...
23/12/2003 - Artigo - Artigos definidos e indefinidos
Esta seção reúne algumas idéias que publiquei sobre mídia, cultura e arte....
23/12/2003 - Artigo - Estranhos no ninho de Milos Forman
Diretor olha com fascínio os gênios incompreendidos e atormentados...



Capa |  Biografia de Leo Cunha  |  Entrevistas  |  Fortuna Crítica  |  Galeria  |  Livro a Livro  |  Notícias  |  Oficinas  |  Opinião  |  Poemas Animados  |  Prêmios  |  Teoria  |  Todos os Livros  |  • Contatos
Busca em

  
217 Notícias


Todos os Livros
 

Literatura

 

Livros por ordem de lançamento

 

Por título

 

Minha obra, de A a Z

 

Por ilustrador

 

Muito mais do que desenhos

 

Coletâneas

 

Bem acompanhado

 

Por gênero

 

Poesia, prosa, crônica e teatro